Festival literário tem o apoio da Prefeitura de Feira.

Uma noite de celebração à literatura, cultura e à educação. O lançamento da 15ª edição do Festival Literário e Cultural de Feira de Santana, FLIFS, aconteceu na noite desta quinta-feira, 28, no teatro do Sesc Feira. A FLIFS, que é organizada pela Universidade Estadual de Feira de Santana (UEFS), tem o apoio do Governo Municipal desde a primeira edição.

Com o tema “De Volta à Praça”, o festival retorna às atividades presenciais depois de dois anos acontecendo virtualmente, por conta da pandemia da Covid-19. E quem vai aproveitar muito a conhecida Feira do Livro são os estudantes e professores da rede municipal de Educação. Eles vão visitar os stands da feira e também receber vales-livros.

A mesa de honra, composta pelos apoiadores e organizadores da FLIFS, deu as “boas-vindas” ao evento, que vai acontecer de 30 de agosto a 4 de setembro, na Praça Padre Ovídio.

A secretária de Educação, professora Anaci Paim, destacou o investimento de  120 mil reais em vales-livros e a importância de abrir oportunidades para os estudantes a partir da curiosidade e do gosto pela leitura.

Conforme seleção através de edital público, 40 escolas da sede e 16 dos distritos vão participar do evento. Cada unidade de ensino inscreveu 40 estudantes que vão visitar o evento e receber o voucher. 

Além da visita aos stands, nove escolas selecionadas apresentam nos palcos do evento programas e projetos desenvolvidos, preferencialmente, sobre leitura – nas diferentes linguagens, desenvolvidas na escola.

 PARCERIA CONSOLIDADA

A coordenadora da Flifs e pró-reitora de Extensão da UEFS, a professora doutora Rita Brêda, descreveu a feira como uma “política de formação de leitores”. Segunda a docente, para colocar uma ação como esta em prática é preciso de muitas “mãos”.

“Buscamos consolidar nossas parcerias, entre elas, a Prefeitura de Feira de Santana, para que o projeto cumpra ainda mais com seu objetivo, que é democratizar o acesso ao livro, às artes e ao conhecimento. Então, o apoio das instituições parceiras é fundamental”, afirma a coordenadora da FLIFS.

Outras instituições apoiam o evento, como a Arquidiocese de Feira; o Serviço Social do Comércio, Sesc; o Núcleo Territorial de Educação do Estado, NTE 19; e o Instituto Federal da Bahia, IFBA.

Homenagem à professora Ana Angélica Morais 

A noite também contou  com a abertura da exposição em homenagem à professora Ana Angélica Vergne de Morais, que continua aberta ao público no  foyer do Teatro Sesc Centro, com apresentação musical de Damares Teçá.

A cerimônia de lançamento emocionou os presentes. A docente, vinculada ao Departamento de Letras da universidade, é a homenageada da feira neste ano. Ela faleceu em 17 de janeiro deste ano. 

Ana Angélica, descrita como “querida, encantadora e inspiradora” por todos que conviveram com ela, foi mestra em Literatura e Cultura Brasileira e professora fundadora da UEFS. Ela também participou das comissões de organização da FLIFS, desde a primeira edição. 

 

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.